Google+ Cinema e Mídia: Um Beijo Roubado

Social Icons

twitterfacebookgoogle plusrss feedemail

domingo, setembro 20, 2009

Um Beijo Roubado


Com um cartaz espetacular e recomendado por um grande amigo, comecei a assistir Um Beijo Roubado com muita expectativa. Surpresa minha foi ver minha amada esposa sem muito interesse e constatar que eu também não estava entusiasmado. E vejam só: Jude Law é excelente ator, Norah Jones está bem. Natalie Portman e Rachel Weisz estão deslumbrantes. Mas há algo que não dá liga... O impulso da personagem principal é fraco (não consegue nem juntar dois mil dólares em um ano, trabalhando em dois empregos) assim como o do seu par romântico, que não investe lá muito na sua idolatrada. Os personagens secundários, de Rachel Weisz, principalmente, poderiam ter melhor aproveitamento mas, dificilmente seria suficiente para dar liga na história.
Pode até ser que na verdade a vida seja assim mesmo, sem muitas reviravoltas, sem grandes heroísmos, sem grandes pretensões. Na prática isso significa dizer em duplo sentido que Um Beijo Roubado nem sempre é bom e quase sempre facilmente esquecível.

Nota 05

2 comentários:

Thiago disse...

E a personagem do policial, não é digna de nota?

Andre Alves disse...

É verdade, era o melhor personagem... Valeria um filme para ele e sua ex... Mas para o filme, me pareceu uma história que não acrestentou nada ao desenvolvimento do personagem de Norah Jones.

 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.